LiDAR ou Detecção e Variação de Luz (+Vídeo)

Sobre a imagem de capa: (não, não é uma imagem de um jogo de computador dos anos 90 – é uma imagem capturada pelo sensor LiDAR)

Caros mapeadores,

Inspirados no nosso artigo de ADAS, continuamos com uma espécie de introdução aos sistemas LiDAR.

O LiDAR ou Light Detection and Ranging é um sistema de sensoriamento remoto activo que pode ser usado para fazer representações digitais em 3D do alvo. O sensoriamento remoto significa que não estamos realmente a medir fisicamente as coisas com as mãos. Estamos a usar sensores que capturam informações sobre uma paisagem e registam coisas que podemos usar para estimar condições e características. Para medir dados em grandes áreas, precisamos de métodos de sensoriamento remoto que possam realizar muitas medições rapidamente, usando sensores automatizados.

lidar

O LiDAR é usado de uma forma comum para fazer mapas de alta resolução, com aplicações em muitos campos como a geodésia, arqueologia, geografia, sismologia. A tecnologia também é usada no controlo e na navegação de alguns carros autónomos (como mencionámos no nosso artigo sobre o ADAS) .

Então, como é que essa tecnologia funciona: o LiDAR é um sistema de sensoriamento remoto activo. Um sistema activo significa que o próprio sistema gera energia – neste caso, luz – para medir as coisas no terreno. Num sistema LiDAR, a luz é emitida por um laser que dispara rapidamente. Pode imaginar a luz saindo rapidamente de uma fonte de luz laser. Essa luz viaja para o chão e reflecte coisas como edifícios. A energia da luz reflectida retorna ao sensor LiDAR onde é gravada.

Um sistema LiDAR mede o tempo necessário para a luz emitida viajar para o solo e para trás. Esse tempo é usado para calcular a distância percorrida. A distância percorrida é então convertida em elevação. Essas medições são feitas usando os principais componentes de um sistema LiDAR, incluindo um GPS que identifica a localização X, Y, Z da energia da luz e uma Unidade Interna de Medição (IMU) que fornece a orientação do avião no céu.

part3_MainImage2-1024x797

Dessa forma, um carro autónomo, com o uso de sistemas de controlo avançados como o LiDAR, pode interpretar informações sensoriais para identificar rotas de navegação apropriadas, além de obstáculos.

Curioso como fica em acção – veja o vídeo abaixo!

Curioso para saber mais sobre o LiDAR usado pela HERE? Veja artigo dos nossos colegas no HERE 360: https://360.here.com/2015/03/24/lidar/

Tem alguma pergunta? Contacte mapcreatorportugal@here.com

Junte-se a nós em nosso grupo no Facebook e siga-nos no Twitter!

A Sua Equipa das Comunidades WEU

Kleoniki, Paolo, Francesco, Elena, Arturs, Alicja, Belén, Pierre-Yves Ben, Claire, Pedro, Georg and Eric.

2018-07-18_09-15-08

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s